30/09/2013

Transborde


Um pedaço ainda vive,
Entre meus lábios, o doce,
No meu corpo, o perfume,
Em meio ao pensamento, você!

Talvez nunca parta,
O desejo que me prende,
As lembranças que retornam,
O carinho que nunca deixou de ser.

Mesmo sem estar por perto
O quero por inteiro, ou tento.
Na parte que ainda cabe, invada
Apareça e transborde o meu viver.

~ Brunna Paese ~

Facebook